JavaScript must be enabled in order for you to see "WP Copy Data Protect" effect. However, it seems JavaScript is either disabled or not supported by your browser. To see full result of "WP Copy Data Protector", enable JavaScript by changing your browser options, then try again.

Por que os dependentes químicos são cada vez mais jovens?

Problemas com Álcool ou Drogas? Podemos ajudar!
(61) 3547-3198 / (61) 98669-8646
08-jpg42
O uso de drogas por adolescentes tem crescido nas últimas décadas

É muito difícil apontar uma razão bem definida como causa única dessa mudança no perfil etário dos dependentes químicos. Porém é fato que o uso de drogas por adolescentes tem crescido nas últimas décadas.

Dados da Pesquisa Nacional de Saúde do Escolar, mostram que em 2015 mais da metade dos estudantes do 9° ano já haviam experimentado bebidas alcoólicas, superando as estimativas do ano de 2012.

Bebida alcoólica

Uma das problemáticas que envolvem a visível redução da idade dos usuários de droga é exatamente a bebida alcoólica. Por ser legalizada, acaba sendo uma substância de fácil acesso, mesmo que a venda para menores de 18 anos seja proibida.

Um estudo feito com adolescentes usuários de droga traz que a bebida alcoólica costuma ser o primeiro passo para a experiência com outras drogas. Os discursos desses jovens mostram que o acesso a bebida alcoólica acontece principalmente em festas, grupos de amigos e até mesmo dentro da própria família.

Substâncias ilícitas

O acesso às substâncias ilícitas também sofreu uma alteração nos últimos anos, tornando o consumo mais evidente. O tráfico de drogas de outros países para o Brasil foi um processo histórico progressivo, disseminando as drogas pelo território nacional. Depois da consolidação do tráfico dessas substâncias internamente, o narcotráfico brasileiro, o aumento dos dependentes químicos teve grande pico de crescimento.

A maconha logo passou a fazer sucesso entre os jovens pelos efeitos iniciais de prazer e relaxamento. E em algum tempo, já passou a ser juntamente com o álcool e o cigarro, o ponto inicial para o consumo de drogas.

Vulnerabilidade

Aspectos desta fase da vida como impulsividade, dificuldade em pensar nas consequências futuras e necessidade de autoafirmação, acabam levando ao uso de drogas na adolescência e deixando esse grupo mais vulnerável à dependência química. Os efeitos acabam sendo mais drásticos exatamente pela imaturidade e falta de discernimento dos jovens que acabam abusando das drogas quando têm acesso a elas.

A falta de autocontrole é uma das chaves para o desenvolvimento de uma dependência. Geralmente, esse comportamento iniciado na adolescência perdura até a vida adulta.

Superficialidade

Um outro contexto bem atual, que tem relação com o abuso de drogas cada vez mais precoce, é um aspecto de nossa sociedade, a era superficial. Relacionamentos superficiais, discursos superficiais, uma vida superficial. Tudo isso é somado e pode desencadear o surgimento ou crescimento do conhecido vazio existencial.

Esse vazio acaba sendo mais comum na adolescência e também é o motivo pelo crescimento de outros transtornos como ansiedade e depressão. Por sua vez esses também podem levar ao abuso de substâncias químicas como uma tentativa de refúgio.

Família

O relacionamento familiar também aparece com peça fundamental nesse processo. Muitos dos usuários de drogas que começaram cedo, têm algo em comum: disfunções familiares como pais ausentes, violência doméstica e abandono. Esse aspecto pessoal acaba fragilizando emocionalmente as pessoas, deixando-as mais susceptíveis às drogas.

Apoio é fundamental

Por isso é importante estar atento ao adolescente, a mudanças comportamentais que possam indicar que algo esteja errado. O apoio familiar e ajuda precoce é chave para evitar a dependência ou quando já existente, tratá-la de maneira mais eficaz. O diálogo sempre é importante nessas horas e a compreensão de que a dependência química é uma doença também faz diferença ao lidar com a situação.

Você conhece algum adolescente que pode ser um dependente químico? O que você tem feito para ajudá-lo?

Veja mais

Preferências de Privacidade
Quando você visita nosso site, ele pode armazenar informações através do navegador de serviços específicos, geralmente na forma de cookies. Aqui você pode alterar suas preferências de privacidade. Observe que o bloqueio de alguns tipos de cookies pode afetar sua experiência em nosso site e nos serviços que oferecemos.